Esqueleto misterioso encontrado no Monte Williamson

Dois alpinistas que subiram o segundo pico mais alto da Califórnia descobriram recentemente um mistério de décadas.

Tyler Hofer e seu parceiro de escalada tentavam chegar ao topo do Monte Williamson em 7 de outubro, quando encontraram um crânio humano fraturado.


Depois de afastar algumas rochas próximas, eles descobriram um esqueleto humano inteiro. Quem quer que fosse, estava lá há muito tempo, pois tudo o que restava eram ossos, um cinto de couro e alguns sapatos.

Geralmente, quando um corpo é encontrado nas montanhas, é o de alguém que desapareceu, mas não é o caso – os investigadores policiais não encontraram nenhum registro de seu desaparecimento.

“Este é um grande mistério para nós”, disse a porta-voz Carma Roper.

Os investigadores acreditam que o alpinista misterioso provavelmente estava lá na montanha há décadas.Então, quem poderia ser?

Até agora, a polícia descartou a possibilidade de Matthew Kraft – um fuzileiro naval de Connecticut que desapareceu no início deste ano durante uma caminhada de 320 quilômetros pela região.

Também é improvável que seja Matthew Greene – um alpinista que desapareceu na área há 6 anos.

É possível que o corpo tenha sido enterrado por um parceiro de escalada durante uma subida que deu errado, ou talvez tenha sido algum aventureiro solo cujo desaparecimento não foi relatado.

Como estão as coisas, talvez nunca saibamos quem é o alpinista misterioso ou o que aconteceu com eles.

Comente!