Sarcófago egípcio gigante foi aberto em Alexandria

O conteúdo de um misterioso caixão gigante descoberto em Alexandria finalmente foi revelado.

Medindo quase 3 metros de comprimento, 1,5 m de largura e 2 metros de altura, o caixão, que foi descoberto em uma obra após uma inspeção preliminar por uma equipe do ministério de antiguidades do Egito, remonta a cerca de 2.000 anos e é o maior sarcófago já descoberto na cidade.


Depois que foi revelado pela primeira vez, houve muita especulação e debate sobre o que havia dentro, sugerindo que ele poderia conter os restos mortais de Alexandre, o Grande.

Agora, depois de finalmente levantar a tampa, os arqueólogos revelaram que o sarcófago realmente contém os restos de três esqueletos humanos submersos em água de esgoto repugnante.

O cheiro era tão ruim que, depois que a tampa foi levantada, mesmo que ligeiramente, a operação teve que ser adiada.

“Encontramos os ossos de três pessoas, no que parece ser um enterro familiar”, disse Mostafa Waziri, secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades.

“Infelizmente as múmias dentro não estavam nas melhores condições e apenas os ossos permanecem.”

Antes de ser aberto, alguns avisaram que o conteúdo do caixão pode ser amaldiçoado.

“Abrimos e, graças a Deus, o mundo não caiu nas trevas”, disse Waziri. “Eu fui o primeiro a colocar toda a minha cabeça dentro do sarcófago … e aqui estou diante de você … estou bem.”

Comente!