Ufologia

1967: Invasão de OVNIs na Inglaterra foi uma pegadinha

Em 1967, um grupo de estudantes conseguiu criar uma das pegadinhas de OVNIs mais convincentes da história.

O golpe foi planejado por um grupo de jovens do Royal Aircraft Establishment (RAE) de Farnborough, no qual todos compartilhavam o amor pela ficção científica.


Para enganar o maior número possível de pessoas, eles criaram um design de discos voadores clássicos, sem janelas, portas ou outros recursos reconhecíveis.

Seis discos de fibra de vidro foram criados no total, cada um equipado com equipamentos de som para que eles fizessem barulhos estranhos.

“Quando você girava o disco de cabeça para baixo, ele acendia um interruptor com um bateria”, disse o engenheiro Chris Southall. “Nós os colocamos em segredo, no meio da noite, e não queríamos que eles fizessem barulho até o momento certo”.

“Somente quando saímos, nós os colocamos de cabeça para baixo e o barulho começou – e então nós fomos embora rapidamente”.

Na noite em questão, equipes separadas colocaram silenciosamente os discos em locais estratégicos em toda a Inglaterra. Quando eles foram descobertos, os brincalhões voltaram para o albergue.

Todo o país caiu na história. A polícia e as forças armadas foram aos “locais de desembarque” para examinar e recuperar os discos para uma investigação mais aprofundada.

A “invasão” conseguiu fazer grandes as principais manchetes no Reino Unido e no exterior.

“Os tempos em que vivemos agora são muito mais duros, e não penso que poderíamos fazer isso novamente”, disse Southall. “Nós acabaríamos em problemas”.

Sobre o autor

Renê Fraga

é bacharel em administração de empresas e fundador da FragaNet Networks – empresa especializada em comunicação digital e mídias sociais. Em seu portfólio estão projetos como: Google Discovery, TechCult, AutoBlog e Arquivo UFO. Também foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.

Comente!

error: