Bombas de ar poderiam explicar o Triângulo das Bermudas

Os cientistas tem uma nova teoria que pode ajudar a explicar o mistério do Triângulo das Bermudas.

Há poucos mistérios tão duradouros e tão conhecidos como o Triângulo das Bermudas – uma extensão de oceano no Atlântico Norte que abrange a área entre a Flórida, Bermudas e Porto Rico.


Ao longo dos anos, a região tornou-se conhecida devido aos desaparecimentos inexplicáveis de navios e aviões – muitas vezes sem deixar nenhum vestígio deles ou de suas tripulações.

Várias teorias foram apresentadas ao longo dos anos, em um esforço para explicar o fenômeno, mas agora os cientistas do Colorado acreditam que poderiam ter finalmente encontrado uma resposta definitiva.

O segredo, argumentam eles, estaria na formação de nuvens hexagonais que podem produzir “bombas de ar” – bolsões de clima com ondas de 15 metros e velocidades de vento de 273 km/h.

“Elas são formadas por aquilo que são chamadas ‘microrrajadas’ e elas são explosões de ar que descem do fundo de uma nuvem e depois batem no oceano”, disse o meteorologista Randy Cerveny.

Se este fenômeno pode ser responsável por todos os misteriosos desaparecimentos de navios e aviões na região ao longo das últimas décadas, ainda não está claro.

Comente!