Primeiros humanos em Marte vão morrer em pouco tempo, diz astronauta brasileiro

marte-base

Em entrevista ao site da Band, o primeiro astronauta brasileiro Marcos Pontes afirmou que não acredita nas missões independentes que visam criar uma colônia humana em Marte a partir de 2023. Para ele, os tripulantes do projeto irão se sacrificar pelo futuro de outros.


“Eles vão se sacrificar para abrir caminho para outros, vão iniciar um processo. A missão deles será organizar as coisas, colocar em ordem todos os módulos, começar o funcionamento”, explica Pontes, que detalha alguns pontos importantes para que uma missão como essa tivesse sucesso.

Pontes diz que já recebeu diversos convites para trabalhar nessas empresas mas negou qualquer interesse. Pontes acredita que a  probabilidade de sucesso dessas missões hoje é menos de 5% pois ainda faltam pesquisas para fazer um humano sobreviver a radiação do planeta vermelho.

“Se fosse pela Nasa, uma missão oficial, eu iria sem problemas”, revelou o astronauta que ainda acrescentou, “se eu entrasse para uma empresa privada, poderia te dizer na semana seguinte quando voltaria ao espaço. É um mercado que tem crescido muito”.

10 Replies to “Primeiros humanos em Marte vão morrer em pouco tempo, diz astronauta brasileiro

  1. Essa missão vai ser massa, pena q eles podem morrer quando passar 68 dias, mas tomara q isso não aconteça

Comente!