Estudos secretos soviéticos revelaram informações sobre OVNIs

kgb-ufo

Um antigo agente da KGB revelou detalhes de estudos soviéticos e experiências relacionadas a OVNIs.


Segundo a ex-major-general Vasily Yeremenko, foi uma onda de avistamentos sobre a União Soviética, que provocou uma investigação oficial para o fenômeno.

Na época Yeremenko estava no comando da divisão da força aérea da KGB e, portanto, foi encarregada de recolher e arquivar todos os relatórios.

Tal importância foi colocado sobre o assunto que algumas unidades militares foram ainda formadas para reagir, no caso de um encontro com uma resposta agressiva.

No início de 1980 o projeto progrediu ao ponto em que um experimento foi realizado em um esforço para fazer aparecer um OVNI por demanda.

“Pode-se dizer que, durante o experimento, aprendemos a chamar um OVNI”, disse Yeremenko. Para isso, haveria um aumento acentuado no número de voos efetuados por aviões de combate e uma série de equipamentos.

“Então os OVNIs apareceram com uma probabilidade de quase 100 por cento”. Conforme o tempo passava alguns dos experimentos até tentavam fazer contato com os objetos.

“Era assim: uma pessoa no chão acenava os braços, duas vezes para a direita e duas vezes para a esquerda”, recordou Yeremenko.

“A bola no céu reagia a ela com oscilação para a direita e, em seguida, para a esquerda. Nós não tínhamos idéia de como explicar isso. ”

A União Soviética tomou os OVNIs a sério. Tanto a KGB e o Ministério da Defesa da União Soviética havia dedicado unidades para a coleta e análise de informações sobre a atividade paranormal.

Comente!