Agências brasileiras planejam turismo espacial

virgin-galactic

Há no País duas agências parceiras da Virgin Galactic que oferecem o roteiro, ambas na cidade de São Paulo. A GSP Travel confirma que já vendeu um pacote, enquanto a Teresa Perez não passa essa informação por política da empresa.


Para Ilan Wallaph, diretor-sócio da GSP, o brasileiro é um cliente “muito desconfiado”, mas o filão vai crescer assim que as viagens se tornarem rotineiras. “Eu acredito que, a partir do primeiro voo, o Brasil vai se tornar o mercado número um, mas antes disso as pessoas ficam receosas”, afirmou.

Essa permanência no espaço dura apenas quatro minutos – a viagem, desde a decolagem até o pouso, leva três horas e meia. O programa completo tem a duração de três dias. “Você vê o planeta azul com o Universo preto ao fundo, mas vê só uma parte do planeta”, disse Wallaph. “Você passa quatro minutos vendo a Terra, mas o voo é eterno”, brincou.

“O valor da viagem vai além das três horas e meia no espaço. O valor está na experiência de vida, na rotina de preparação até que a viagem realmente se conclua, na experiência de ser uma das primeiras pessoas a viajar para o espaço e de poder contar história para seus familiares e amigos por toda a sua vida. Uma viagem como essa é um marco, é inesquecível por gerações”, completou.

Comente!