Combustão Humana Espontânea

A combustão humana espontânea ( SHC, sigla em inglês ) é um suposto fenômeno no qual uma chama gerada internamente, de repente, consome a carne e os ossos da vítima.

Em 1833, em trabalho lido para Academia Francesa de Ciências, M.J. Fontelle passou em revista alguns casos e observou que as vítimas tendiam a ser mulheres idosas que gostavam de bebidas alcoólicas e que os danos do fogo não se estendiam aos materiais inflamáveis perto ou no corpo delas.

É interessante notar, também, que há indícios, em certos casos, de que a destruição fora maior por causa da gordura humana derretida.

Muitas teorias pretendem explicar o fenômeno “cientificamente” como: “impulsos psicocinéticos destrutivos” ou “flutuações geomagnéticas”, porém, o maior defensor da SHC, Larry E. Arnold, vincula esses eventos a uma certa variedade de fenômenos paranormais.

Enquanto discutem isso a combustão humana espontânea permanece como um dos mistérios mais extraordinários da natureza, absolutamente inexplicável pela ciência moderna.

Comente!