Curiosidades

A lua está esfriando, encolhendo e tremendo

Um novo estudo revelou que nosso vizinho lunar está ficando menor e experimenta fortes ‘moonquakes’.

De acordo com a pesquisa, a Lua encolheu aproximadamente 50 metros nas últimas centenas de milhões de anos devido ao gradual arrefecimento do seu interior.


Isso, por sua vez, tornou-a ligeiramente enrugada (um pouco como uma passa), que criou “falhas de empuxo” e fez com que seções da crosta encostassem em outras seções – produzindo terremotos.

Esses terremotos lunares são surpreendentemente fortes – medindo até cinco na escala Richter.

“Nossa análise dá a primeira evidência de que essas falhas ainda estão ativas e provavelmente produzindo moonquakes hoje, à medida que a Lua continua a esfriar e encolher gradualmente”, disse o cientista sênior Thomas Watters, do Centro de Estudos da Terra e Planetários.

O estudo analisou dados coletados por sismômetros que foram colocados na superfície lunar pelos astronautas da Apollo entre 1969 e 1977. Os pesquisadores foram capazes de determinar que 8 dos terremotos captados por esses dispositivos ocorreram nas proximidades de falhas visíveis.

“Achamos que é muito provável que esses oito tremores tenham sido produzidos por falhas que se acumularam quando a crosta lunar foi comprimida pela contração global e pelas forças de maré, indicando que os sismômetros da Apollo registraram a Lua encolhendo e a Lua ainda é tectonicamente ativa”. disse Watters.

Sobre o autor

Renê Fraga

é bacharel em administração de empresas e fundador da FragaNet Networks - empresa especializada em comunicação digital e mídias sociais. Em seu portfólio estão projetos como: Google Discovery, TechCult, AutoBlog e Arquivo UFO. Também foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.

Comente!

error: