Inexplicável

Ilha de Nan Madol poderia ser a Atlântida?

Construído em uma ilha no meio do Pacífico, esta misteriosa cidade antiga continua sendo um enigma moderno.

Famosamente documentada pelo filósofo grego Platão, a Atlântida era um continente situado no meio do Atlântico que era habitado por uma civilização altamente avançada e próspera.


De acordo com a lenda, o excesso de materialismo dos atlantes teria irritado os deuses e toda a ilha foi submersa sob as ondas.

As teorias do mundo real sugerem que, se a Atlântida existisse, pode ter sido afundada por um tsunami, um período de vulcanismo prolongado ou algum outro desastre antigo.

Mais recentemente, no entanto, a peculiar cidade insular de Nan Madol, que está situada a milhares de quilômetros de qualquer lugar do meio do Pacífico, tem atraído a atenção dos caçadores da Atlântida.

Com uma datação de até 2.000 anos, esta cidade misteriosa consiste em várias seções separadas por canais de maré e é protegida do oceano por uma série de 12 muros marinhos.

O nível de experiência exibido em sua construção, bem como sua localização peculiar, tem deixado os cientistas desconcertantes há anos.

“Agora parece que Nan Madol representa a primeira ilha na história do Pacífico”, disse Mark McCoy da Texas Southern Methodist University. “Para mim, Nan Madol era uma capital”.

“Era a sede do poder político, o centro dos mais importantes rituais religiosos e o lugar onde os ex-chefes da ilha ficavam descansados”.

Sobre o autor

Renê Fraga

é bacharel em administração de empresas e fundador da FragaNet Networks – empresa especializada em comunicação digital e mídias sociais. Em seu portfólio estão projetos como: Google Discovery, TechCult, AutoBlog e Arquivo UFO. Também foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.

Comente!

error: