Ufologia

Piloto da Força Aérea canadense fotografou um OVNI durante o voo

27 de agosto de 1956, perto de McCleod, Alberta, Canadá. As testemunhas eram dois pilotos da Royal Air Force canadense que estavam voando em uma formação de quatro aviões F86 Sabre.

Os aviões estavam voando para o oeste sobre as Montanhas Rochosas canadenses a 36,000 pés aproximadamente uma hora antes do pôr-do-sol.

Um dos pilotos viu uma “luz brilhante que estava bem definida e em forma de disco”, que se assemelhava a “moeda de prata brilhante”, situado abaixo dos aviões, mas acima de uma camada grossa de nuvens.

Parecia ser consideravelmente mais brilhante do que a luz solar refletindo as nuvens. Outro piloto conseguiu fotografar o objeto, como você pode ver acima.

A duração do avistamento foi estimada entre 45 segundos e 3 minutos.

O avistamento durou alguns minutos, e este caso específico foi analisado pelo Dr. Bruce Maccabee em 1996.

Maccabee apresentou um argumento contra a ideia de que o fenômeno seria um reflexo da luz solar nas nuvens ou raio.

Ele estimou (a partir de dados disponíveis) que a luminosidade do objeto (a potência na faixa espectral do filme) é de muitos megawatts.

Sobre o autor

Renê Fraga

é bacharel em administração de empresas e fundador da FragaNet Networks - empresa especializada em comunicação digital e mídias sociais. Em seu portfólio estão projetos como: Google Discovery, TechCult, AutoBlog e Arquivo UFO. Também foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.

error: