Agrônomo desaparece após deixar marcas em lavoura no MT

De acordo com o G1, o agrônomo Éder Tadeu Maciel da Costa desapareceu há quase duas semanas após deixar marcas estranhas em uma lavoura no Mato Grosso.

A mulher de Éder, Letícia Mendes, que mora em Nova Mutum, afirmou que ela perdeu o contato com o marido no dia 05 e que o telefone do engenheiro está desligado desde então.


“Ele sumiu e a caminhonete dele foi encontrada abandonada na plantação, em Água Boa, a 736 km de Cuiabá, para onde tinha se mudado havia um mês para trabalhar. Na lavoura, havia marcas feitas com o veículo, como mostram imagens capturas com um drone”, publicou o site.

Uma testemunha afirmou ter visto Éder pegar uma carona próximo à rodovia MT-158, porém sua atual localização é desconhecida pela família.

“Ele não entrou em contato com ninguém e ele também não tinha motivo para simplesmente fugir”, declarou a esposa.

Autoridades policiais acreditam que o agrônomo estava supostamente “embriagado” ao deixar as marcas na lavoura.

Comente!