1966: Homens com máscaras de chumbo foram mortos após avistamento de OVNI no Brasil

caso-mascara-de-chumbo-3

No Brasil, durante o ano de 1966, os corpos de dois técnicos em eletrônica foram descobertos em uma pequena colina perto de Niterói, precisamente onde um OVNI foi visto na noite anterior. Nenhuma explicação para a causa da morte foi encontrada e o mistério ainda vive como o “Mistério das máscaras de chumbo” ou “Caso das máscaras de chumbo”.


Em 20 de agosto de 1966, duas crianças descobriram os corpos de Manoel Pereira da Cruz e Miguel José Viana, mortos no Morro do Vintém, perto da cidade de Niterói, Brasil. Perto dos cadáveres, a uma pequena de distância de seus rostos, duas máscaras de chumbo grosso foram encontradas, juntamente com algumas peças verdes e azuis de papel, um dos quais continha uma fórmula que não poderia ser decifrado.

Dois outros papéis tinham instruções estranhas, tais como “proteger o rosto com metal” e “esperando o sinal”. Ambos os homens estavam vestindo sobretudos em cima de sua roupa.

caso-mascara-de-chumbo-5

Um autopsia foi realizada sobre os cadáveres, porém nenhuma conclusão pode ser tirada sobre as causas da morte. De acordo com os médicos, “todos os órgãos estavam em condições de completo funcionamento”.

José Bettencourt, o inspetor de polícia do Rio de Janeiro encarregado de investigar este caso de assassinato, pensou a princípio que eles tinham sido roubados por assaltantes e depois mortos. Não era bem assim.

Buscando pistas na cidade natal dos homens, Bettencourt descobriu que eles haviam deixado suas casas com uma soma de cerca de 200.000 cruzeiros para que eles pudessem comprar, como lhe foi dito, um automóvel.

Quando eles foram encontrados, mais de 6.000 cruzeiros estava em seus bolsos e sem sinais de que tinham comprado o carro. Em vez disso, e apesar do tempo quente e seco, eles compraram dois sobretudos e se dirigiram para o monte onde eles foram encontrados mortos.

Ainda assim, o caso se tornaria ainda mais bizarro após uma mulher ter alegado o avistamento de um OVNI perto de Vintém naquela noite fatal. De acordo com a descrição, um objeto era verde e amarelo com bordas vermelhas e teria cruzou o céu e pairou sobre o monte por alguns momentos.

caso-mascara-de-chumbo-2

Também foi dito que os dois engenheiros estavam realizando experimentos relativos a comunicações ao espaço exterior, eventualmente, teriam conseguido fazer luzes brilhantes aparecerem nos céus. No entanto, este fato não é confirmado.

O caso permanece em aberto e não há explicações plausíveis para o duplo homicídio. A polícia está convencida de que eles foram mortos em outro lugar e, em seguida, levados de volta para aquele lugar.

caso-mascara-de-chumbo-6

Foi levantada a hipótese que os homens podem ter sido mortos por eletrocussão devido a um raio, pois nesse dia chovia e trovejava torrencialmente no local.

Qualquer sinal causado pelo raio nunca poderia ter sido encontrado, pois os homens foram encontrados em estado avançado de putrefação, tendo a erosão destruído detalhes que poderiam dar mais pistas.

Em relação à fórmula secreta em um dos pedaços de papel, que desapareceu misteriosamente do cofre, tem se mantido em segredo pela polícia brasileira.

caso-mascara-de-chumbo-4

 

caso-mascara-de-chumbo

4 Replies to “1966: Homens com máscaras de chumbo foram mortos após avistamento de OVNI no Brasil

  1. Meu tio Carlos, que fazia parte da polícia carioca na época do referido caso, investigou por mais de um ano juntamente com outros policiais e não chegaram a nenhuma conclusão, permanecendo até hoje um grande mistério.!!!!

Comente!