Robôs da NASA em Marte estão proibidos de investigar água líquida

rover

Os cientistas da NASA anunciaram esta semana que foi encontrado evidências químicas de água líquida na superfície de Marte. Embora seja um caso de investigação prioritária, que poderia confirmar a existência de rios sazonais de água salgada, a novidade não poderá ser analisada pelos robôs distantes.

O Rover Curiosity da NASA, que esta cerca de 50 quilômetros a partir do local que os cientistas suspeitam de existir água marciana, não poderá chegar perto devido a um tratado internacional, assinado em 1967, no qual proíbe qual análise do lugar para evitar qualquer infecção biológica.

Para chegar onde está na superfície de Marte, Curiosity viajou 225 milhões de km da Terra através do espaço e ao longo do caminho poderia ter pego sujeira e poeira e todos os tipos de micróbios misteriosos que tornam o robô longe de estar livre de riscos.

“Se há água líquida presente, temos que tomar precauções extras para evitar a contaminação pela vida da Terra” disse o cientista-chefe do programa de Marte da NASA. “Nossos robôs atuais não foram esterilizados com o grau necessário para ir a uma área onde a água líquida possa estar presente.”

Para os teóricos da conspiração, este é mais um argumento da Nasa para tentar encobertar qualquer descoberta relativa a água de Marte, principalmente se ela contém formas de vida marcianas.

Comente!