Plantas não crescem perto de um celular

plantas

Cinco meninas da Dinamarca realizaram uma experiência premiada para avaliar o efeito de telefones celulares.


Durante o nono ano de escola, elas tiveram a ideia para a pesquisa ao perceber que tinham dificuldade de concentração durante o dia, se dormissem com um telefone celular perto de sua cabeça durante a noite.

Embora seu objetivo era testar o efeito da radiação de celular em seres humanos, a falta de equipamento adequado as levou a testar o efeito sobre as plantas em seu lugar.

Vários bandejas de sementes de agrião foram deixados em dois quartos, um dos quais sendo expostos a radiação do telefone celular.

Após 12 dias os resultados foram particularmente contundentes – bandeja no quarto regular tinha crescido sem problemas, enquanto as bandejas expostas à radiação não tinha conseguido crescer.

O resultado da experiência ganhou um prêmio regional de ciência e agora os cientistas estão tentando replicar o experimento em condições controladas de laboratório para descobrir se a radiação de celulares é realmente tão prejudicial quanto sua experiência parece sugerir.

Comente!