Culto satânico ou falsas memórias?

carole-myers

A misteriosa morte de uma enfermeira traz à tona um problema muitas vezes ignorado:. memórias implantadas.


A morte súbita de Carole Myers, 41 anos, chocou sua família. Eles sabiam muito pouco da sua vida uma vez que ela saiu da casa e se tornou parte de uma seita satânica que a teria abusado dela quando criança.

No entanto, como se constata estas lembranças estão longe de ser verdadeira -  Carole, na verdade, tinha acreditado nas memórias falsas que haviam sido plantadas em sua mente por um psiquiatra.

Após sua morte, descobriram Carole havia se tornado mentalmente doente. Seus registros médicos revelaram auto-mutilação, abuso de álcool e se estica em enfermarias psiquiátricas. Ela tinha sido freqüentemente suicida.

Comente!