Carta final do Capitão Scott é revelada pela primeira vez ao mundo

capitao-scott

Em 1912 o Capitão Scott e quatro de seus companheiros morreram quando retornavam de uma viagem ao Pólo Sul. Quase um século depois, sua carta final da sua aventura malfadada foi descoberta pela primeira vez.


Robert Falcon Scott foi um oficial da marinha britânica e explorador antártico. Tendo falhado por pouco em ser o primeiro homem a atingir o Pólo Sul, superado por Roald Amundsen e seu grupo, Scott morreu na calota polar da Antártida enquanto tentava voltar para a segurança de sua base.

"Isto parece um fim para nós", escreveu que o capitão que tentava retornar do Pólo Sul “estamos sem alimentos e o petróleo não é capaz de nós mover por conta da nevasca."

"Nós todos esperamos nos encontrar no final de espírito semelhante, e com certeza o fim não está longe”.

Capitão Scott liderou a expedição, oficialmente chamada de British Antarctic Expedition 1910, com o objetivo de ser o primeiro a chegar ao Pólo Sul geográfico.

Mas quando sua equipe de quatro companheiros chegou lá em 17 de janeiro de 1912, eles encontraram uma equipe liderada pelo norueguês Roald Amundsen já tinha chegado 33 dias antes.

Toda a equipe de Scott morreu em março durante o seu regresso de uma combinação de fome, exaustão e frio extremo.

Capitão Scott era um oficial da Royal Navy e um explorador de Devon, que já havia liderado a Expedição Discovery para a Antártida 1901-1904.

Comente!